Se essas causas forem eliminadas, a ereção será normal novamente.

Reconhecer o problema da ereção fraca de um homem é metade do sucesso. Por exemplo, se um homem teve estresse ou ansiedade severa antes da relação sexual, ele se cansou no trabalho, não dormiu o suficiente, ficou irritado, houve uma situação de conflito com uma mulher ou incompatibilidade sexual – isso pode causar fraqueza do homem. Se essas causas forem eliminadas, a ereção será normal novamente.

O trauma psicológico também pode causar disfunção erétil durante o sexo. Não é necessário medos e complexos associados às relações sexuais. Ressentimento infantil, insegurança, tensão, turbulência emocional de qualquer natureza – tudo isso pode afetar a saúde dos homens quando um homem não se levanta no momento certo. É possível remover barreiras psicológicas com a ajuda de um psicoterapeuta ou um psicólogo – de outra forma, tais problemas com a ereção do pênis podem ser curados.

As causas da disfunção erétil podem ser muito diferentes. Cerca de 25% das pessoas com distúrbios sexuais têm certos problemas de saúde. Na maioria das vezes dizem respeito ao sistema cardiovascular – os sintomas da disfunção erétil podem ser causados ​​por lesões escleróticas do tecido cavernoso do pênis, hipertensão, bloqueio das artérias ilíacas (síndrome de Leriche), comprometimento da função do mecanismo de ereção oclusiva, etc.

A necessidade de tratar os sintomas da disfunção erétil pode ser causada por problemas endocrinológicos: diabetes mellitus, tumor hipofisário, redução da produção de testosterona, hipogonadismo, etc.

A função erétil é adversamente afetada por doenças neurológicas: doença de Parkinson, circulação sanguínea prejudicada no cérebro, esclerose múltipla, doenças da medula espinhal, álcool, neuropatia necrótica, etc.

Também causas orgânicas da disfunção erétil incluem a doença de Peyronie, esclerose e fibrose do tecido cavernoso do pênis, causada por lesões, processos inflamatórios.

Muitas vezes, os homens procuram tratamento para a disfunção erétil, para quem as causas dos problemas sexuais residem no campo da psicologia. Os distúrbios de ereção podem provocar estresse, depressão e distúrbios psicopatológicos específicos (medo da impotência, informações insuficientes ou não confiáveis ​​sobre o lado sexual da vida, etc.).